APRUEMA QUER A FILIAÇÃO DE TODOS OS DOCENTES DO QUADRO EFETIVO DA UEMA

A Associação dos Professores da Uema (Apruema), fundada em 25 de abril de 1980 e a única (e legítima) representante da classe docente da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), quer a filiação de todos os professores que pertencem ao quadro efetivo dessa instituição de ensino superior.

Mas, para que isso aconteça, já agora no mês de julho deste ano, vai desenvolver uma campanha de filiação de novos associados, é claro, voltada exclusivamente para o professor que ainda não se associou à entidade por várias razões.

A título de informação, a Uema conta hoje com 845 professores no seu quadro, sem incluir os 145 docentes da Uemasul. Destes, já são 730 docentes filiados à Apruema.

É um número significativo, mas queremos mais e, se tudo correr bem como esperamos, nessa campanha inédita que vamos realizar, vamos chegar bem perto desse número que pretendemos atingir”, disse bastante entusiasmado o presidente da Apruema, professor Mivaldo Álvares de Oliveira.

Para o presidente Mivaldo Oliveira, a Associação, ao longo desses anos, vem cumprindo o seu papel que é o de atender as principais demandas do seu corpo de associados em todos os segmentos. “Temos as nossas limitações financeiras, mas sempre procuramos lutar e buscar alternativas de fazer o melhor para o nosso associado, razão maior da existência da entidade”, ressalta.

O professor Mivaldo, que já dirigiu a Apruema por cinco mandatos, mas de forma alternada, pois o estatuto social da entidade só permite até dois mandatos consecutivos, destacou que a Associação já teve avanços significativos na sua gestão, fazendo questão de enumerar. Citou, por exemplo, a construção do espaço Professor Bolbi Miranda do Nascimento, onde funcionam confortavelmente a nova sede administrativa, a academia de ginástica, que possibilita as atividades de Pilates e Fisioterapia, e 05 (cinco) alojamentos/apartamentos, todos devidamente equipados, que são reservados, prioritariamente, para os docentes sócios dos Campi do Continente.

De acordo ainda com o presidente, uma obra que ele considera também de fundamental importância é a do estádio Apruemão, que foi inaugurado na gestão do professor Iran dos Passos, mas que já teve reformas e melhorias na sua administração. “Essa praça esportiva, que é o Apruemão, tem aspectos que considero bastante positivos, notadamente porque, além de integrar a comunidade universitária da Uema (docentes, discentes e servidores) proporciona lazer, bem-estar e qualidade vida aos seus participantes, na sua maioria, aos nossos professores associados”, garante.

Segundo ainda o presidente, já tem um projeto maior que está sendo elaborado e em fase de conclusão, para ser executado no espaço onde funciona a antiga sede administrativa, e que vai possibilitar que a Apruema desenvolva novas ações voltadas para o seu corpo de sócios. O projeto consta de uma sala do Professor, Sala para Cursos, Auditório e uma Cantina. Ele (Mivaldo) lembra ainda que já está quase toda concluída a obra da Área de Vivência, que vai ser inaugurada no Dia do Professor (15 de Outubro) e levará o nome (in memorian) do professor Demerval Dias Ramos, que em vida ocupou, entre outros cargos, o de Tesoureiro da Associação e quem fez toda a medição topográfica dessa área quando era diretor da entidade.

Agora, segundo ele, as ações não são direcionadas somente para as obras. A Apruema tem outras questões que são prioritárias e fundamentais para a sua credibilidade e sustentação, com ênfase para as questões Judiciais e Trabalhistas, que estão sendo acompanhadas pela Assessoria Jurídica. Prova maior disso, foi o pagamento integral do Acordo feito com o Governo do Estado, que concedeu aos professores associados da Apruema, o reajuste de 15% e que foi pago em três parcelas: 5% (Abril/2017), 5% (Abril/2018) e 5% (Abril/2019). Tem a questão também da implantação e organização de todas as Representações Regionais, e o Plano de Saúde, que segundo a Fundação Assefaz, só está garantido pela ANS até o final do ano. Já tá em estudo também a criação de uma nova modalidade de Plano de Saúde, no sistema de co-participação, no caso a Uema, a exemplo do que acontece no IFMA e no Ministério Público. Além disso, tem a Progressão Funcional do professor da Uema, que vai ser criada uma Comissão Especial para fazer uma revisão completa e minuciosa desse processo para posteriormente ser levado para apreciação do Conselho Universitário da Uema (Consun).

Por todas essas razões demonstradas é que acreditamos no sucesso do projeto e que faremos uma campanha de filiação de novos associados bastante abrangente. Afinal, estamos mostrando para todos os docentes com transparência, o que queremos e pretendemos fazer. Enfim, esse é o nosso projeto e a nossa contrapartida. Por isso, esperamos contar com a adesão de todos.”, conclui o presidente da Apruema.

Compartilhar.